Tu radio en Internet Netyco Argentina

Buscar en RCFM

Festival 5 ELEMENTOS (Oeiras, Portugal)


Portugal é Música como promotora da música que se faz por Portugal em Parceria com o ELEMENTO MÚSICA do Festival 5 Elementos apresenta o palco Portugal é Música.

Um passeio vibratório pelos sons medievais, Klezmer, Irish, Fado, Manouche, Balkan, Folk e tradicional Português. de Norte a Sul um cartaz Música do Mundo com marca PORTUGAL.

Um cheirinho do que se vai passar no Festival 5 Elementos 2012, preparem-se para o Palco 5 Elementos, e para todos os outros 4 ELEMENTOS.

Anda daí, os 5 Elementos existem por ti

Sexta

Albaluna - Definem a sua música através de uma mistura de sonoridades oriundas de diversas partes do mundo.
Influenciados pela música medieval e tradicional Europeia, os Albaluna apresentam um conceito onde a viagem acompanha cada compasso. Tendo percorrido, nos últimos anos, todo o país, a banda levou a sua música a outras paragens pela Europa como Itália, Alemanha e Lituânia.
Em 2010 os albaluna lançaram o seu primeiro trabalho intitulado de "Dantes", constituído por versões de músicas medievais e tradicionais e de músicas originais. o single de apresentação do novo disco da banda surge em 2011, "A Marca Antiga", antecipando um pouco do que será o álbum de estreia: Alvorada da Lua".

Ósmavati - Improvisação e liberdade em palco são sinónimos de ÓSMAVATI.
Com a alegria contagiante da música Klezmer, fazem-nos viver e sonhar em ambientes de carácter festivo, onde a qualidade de execução se funde com sonoridades estonteantes e imprevisíveis! Com uma cultura técnica e musical apurada, o grupo ÓSMAVATI promete grandes espectáculos de interacção com o público, onde o convívio, dança e descontracção é o mote!


Sábado

Magmell - Quatro Músicos de Portugal fazem uma viagem no tempo às terras nórdicas, essa viagem é representada musicalmente por um Violino, Bandolim, Guitarras antigas, Gaitas Irlandesa, por vezes flautas e segue-se ao ritmo de um Tar, um Bodhran, Cajon, Adufe ou uma Darabuka. As raízes do projecto passam principalmente pela música Irlandesa, Sueca, Galega, Celta, música da Península Ibérica, Medieval Europeia, entre outras...
O repertório do projecto contem temas de recolha tradicionais e alguns originais criados que remontam ao ambiente magico com uma sonoridade bastante animada e propicia à dança. Durante o espectáculo encontram-se destacadas as Jigs, Reels, Polkas, slip-jigs, slow air, hornpipes, highlands e medievais tais como Branle, Tourdion, Rotta e também para animar e criar um certo misticismo no baile as Valsas, Círculos, Polska, Chapeloises, An Dro, Repasseado e Mazurkas. Todos estes com uma sonoridade bastante MagMell.

Citânia - Segredos do Mar é o título deste álbum de estreia, reunindo 12 canções que no mar encontraram a sua inspiração. Desvendando alguns dos seus mistérios, abordando outras temáticas como a vida, o amor, a saudade ou a solidão, fazendo também alusão à mitologia. A originalidade é um dos pontos fortes deste trabalho, sendo a maioria das letras escritas por Samuel Lopes, havendo também uma compilação poética de Fernando Pessoa e um trecho da letrista grega Lina Dimopoulou. As músicas são de João Lopes, Samuel Lopes e Jonas Sousa existindo ainda uma versão do tema popular galego Alalá das Mariñas. Este trabalho conta com a participação especial de alguns artistas convidados que aqui emprestam o seu talento, tornando Citânia um projecto aberto. Como é o caso das vozes portuguesas de Vitorino, Luís Filipe Sarmento, Natália Casanova, Ana Laíns e Paulo Ramos, das vozes gregas de Andriana Babali e Maria Zogopoulou, da gaita galega de Cristina Pato, da bouzouki e guitarra portuguesa de Ângelo Freire e do acordeão de Vítor Nunes.

Gapura - palavra de origem Indonésia que significa portão; a Gapura é frequentemente encontrada em templos e Santuários hindus , porque a porta é um elemento importante na arquitetura Hindu. Nos finais do ano 2009 nascem os Gapura. Influenciados pelas origens ciganas e pela música de todo o Mundo, demonstram com o nome, tanto com a sua música, é uma passagem para outra dimensão vasta de emoções por descobrir onde criam uma energia sonora sem limites e preconceitos.


Domingo

Frol - Projecto dedicado à composição de temas para a pratica das Danças Tradicionais Europeias.
Sanfonas, Bombos, Guitarras, Darboukas, Didgeridoos são os timbres que vos encantarão no delírio do baile...

Uxu Kalhus - O sucessor de "A Revolta dos Badalos" (2006) e "Transumâncias Groove" (2009) já tem nome e data de saída. EXTRAVAGANTE será o 3.º longa duração da banda, que conta ainda com um DVD gravado ao vivo na sua discografia,"10 anos de Folk em português", editado em 2010 e que assinalou o seu 10.º aniversário.
13 de Fevereiro de 2012 vem ao mundo EXTRAVAGANTE, um álbum que conta com 9 temas a estrear, ou quase, e ainda com as reinterpretações de Erva Cidreira e Saia da Carolina, revisitadas pela formação actual. Um total de 11 temas que combinam novas abordagens ao cancioneiro português e composições originais, sempre num toque festivo e camaleónico, como é habitual na banda, mas mais ousado e determinado na procura de uma sonoridade única, que dê prazer aos músicos e ouvintes.
EXTRAVAGANTE abre um novo ciclo de exploração eletro-acústica. Novos e velhos instrumentos musicais fundem-se em texturas singulares e trazem ambientes de excentricidade melódica e harmónica, sem perder o pé que dança. EXTRAVAGANTE traz o cruzamento extremo de influências e linguagens, sem deixar o corpo perder o balanço da viagem. EXTRAVAGANTE milita e promove o ideal de liberdade de criação e recriação do património musical português, sem largar mão do princípio soberano da língua e cultura que bailam e se recriam no baile.
EXTRAVAGANTE porque gosta da moda alentejana que recria com voz de mulher.


0 Respuestas hasta ahora:

Sé el primero en comentar esta entrada